No primeiro mês de 2019, Lages será novamente o centro das atenções em nível nacional no esporte. Nos dias 26 e 27 de janeiro, a Copa Brasil de Voleibol Masculino irá trazer alguns dos maiores nomes da constelação de estrelas na atualidade. Os jogos das finais serão realizados no Ginásio Jones Minosso com as quatro melhores equipes classificadas. A Seleção Brasileira é a atual campeão olímpica. A prefeitura de Lages oferecerá o local como suporte, além de logística. A organização do evento está buscando parcerias locais e patrocínios.

Em encontro no dia 20 de setembro, no gabinete do prefeito Antônio Ceron, junto ao vice Juliano Polese, superintendente da Fundação Municipal de Esportes (FME), Nilson Cruz, e membros da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e da Federação Catarinense de Voleibol (FCV), pontos foram discutidos, como a movimentação econômica a ser gerada na cidade em função de um evento esportivo do porte de uma competição na qual brilham nomes da Seleção Brasileira e personalidades estrangeiras de carreira nacional.

Os elencos ainda não foram divulgados, pois os times estão com seus atletas nas disputas da Seleção Brasileira. Quando a temporada da Seleção estiver finalizada é que os times serão anunciados. Entretanto, certamente haverá jogadores da Seleção em Lages, que estavam jogando o Campeonato Mundial até este domingo (30 de setembro), no qual o Brasil foi vice-campeão, com a Polônia no lugar mais alto do pódio.

Conforme a CBV, em sua quinta final consecutiva de Campeonato Mundial, a Seleção Brasileira Masculina de Vôlei foi vice-campeã. Em Turim, na Itália, onde aconteceu toda a fase final, o Brasil foi superado pela Polônia por três sets a sero (26/28, 20/25 e 23/25) e encerrou a competição com a medalha de prata após a campanha de dez vitórias em 12 jogos.

Quem também esteve presente neste encontro foi Régia Fávero, da Associação de Voleibol Feminino de Lages (Avofel).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here