Em homenagem ao jovem Patrick Matos Lins, o Secreta, a I etapa da Copa Arrancada de Motos da Serra 2019 recebeu aproximadamente mil espectadores neste domingo (24 de fevereiro) na pista da localidade de Pedras Brancas. Esta foi uma prova federada com participação de 35 pilotos inscritos.

Uma das estrelas presentes foi o piloto Juno, de Palhoça, que faz parte da Federação, além de motoqueiros de Blumenau, Porto Belo, Florianópolis, Araranguá, Imbituba, Otacílio Costa, São Joaquim e Lages. O piloto Josué, também de Palhoça, e Edson, de Tubarão, atual recordista e campeão catarinense na categoria Protótipo, abrilhantaram a disputa. Também marcaram presença Ricardo Gargione, campeão catarinense de Velocross e Laís Nunes, de 14 anos, também campeã da última etapa da Super Copa Limasc de Velocross.

Pela primeira vez com a presença da Federação Catarinense de Motociclismo, uma promoção de Xande Eventos com supervisão da Federação. Foram entregues 27 troféus aos vencedores dos 1º, 2º e 3º lugares de cada uma das nove categorias.

A prova aconteceu com o desafio de 201 metros cumprido por fotocélula, com nove categorias e em homenagem a Patrick Secreta (Luís Patrick Matos Lins), jovem motoqueiro falecido em um acidente no cruzamento entre as avenidas Duque de Caxias e Belizário Ramos (Carahá) no dia 27 de janeiro deste ano. Sua esposa, Tatiane Candiago, de 19 anos, também não resistiu ao acidente. A família do jovem acompanhou o evento

O formato de Copa agradou ao público, pois serão três etapas no total: 24 de fevereiro, 19 de maio e 8 de setembro. A Arrancada de Motos Serra contou com apoio da prefeitura de Lages, Porka Autopeças, Jornal O Momento, Pousada Refúgio do Lago, Associação Serrana de Automotores (ASA) e Federação Catarinense de Motociclismo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here