14055190_604050339774923_4059239579618000791_nEm noite de segunda-feira marcada pelas viradas e um futebol envolvente no estádio Municipal Vidal Ramos Junior, o Internacional de Lages perdeu para o Ituano por 5 a 3, no primeiro jogo das oitavas de final do Campeonato Brasileiro da Série D. Marcelinho Paraíba fez o que pôde para colocar o time da casa em vantagem no confronto de 180 minutos, mas os visitantes souberam aproveitar as falhas adversárias para largar na frente.

A decisão por uma vaga nas quartas de final sai apenas no próximo sábado, 20, às 15 horas, desta vez no estádio Novelli Júnior, em Itu. Como o gol fora de casa é critério de desempate, o Ituano pode até perder por dois gols de diferença que garante a classificação, enquanto o Inter terá que buscar uma vitória elástica fora de casa para se manter vivo na briga.

Assim que a bola rolou foi o Ituano quem assustou a torcida da casa. Com velocidade, Morato recebeu na entrada da grande área, pela direita, cortou a marcação, puxou para o meio e bateu forte com o pé esquerdo, sem chances para o goleiro Neto Volpi. A bola subiu tanto, que tocou no poste e no fundo das redes justamente no encontro entre a trave e o travessão, para alegria de Pugliese.

Mesmo à frente no placar, o Ituano seguiu com ímpeto para ampliar a vantagem. Do outro lado, Marcelinho Paraíba tentava usar a experiência para recolocar a Inter no jogo, principalmente nas cobranças de falta. Ainda assim, aos 28, Rafael Martins pegou a bola novamente na cabeça da área, sem marcação, e bateu firme com a perna esquerda, no canto rasteiro do goleiro adversário.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here